Concerto Slimmy

(OMG!!! Que banda mais espectacular!)

Na última sexta-feira, lá fomos nós (eu, João, Xana, Patrícia e Zé) visitar o Salão (muito =P) Nobre da CM de Matosinhos. Não porque nos apeteceu, mas porque ia lá haver um concerto do Slimmy à borlix!=) Quando chegamos, já estavam os lugares todos ocupados...ficamos de pé!lol!

Entretanto, entram os fantásticos 4: Garcez, Garim, Slimmy e Quico Serrano. O público entra em delírio (pelo menos eu...=P)!! Como é que é possível música desta ter surgido de Rio Tinto?? Fenomenal!! Já não bastava o som ser excelente, a luz também era muito nice. Aquilo tinha um ambiente espectacular! Músicas já conhecidas, misturadas com algumas novas, só deixaram vontade de comprar o novo álbum (já tenho o Unplugged, mas não fui a tempo dos bilhetes duplos para o concerto na Casa da Música...=( ).
Lá acabou o concerto com "Beatsound Loverboy" a partir tudo e já estava toda a gente pronta para os autógrafos!=) Poster autografado com direito a beijinhos e tudo.=)))

SLIMMY ROCKS!!!=P

Ensaio sobre a cegueira


«Um homem fica cego, inexplicavelmente, quando se encontra no seu carro no meio do trânsito. A cegueira alastra como "um rastilho de pólvora". Uma cegueira colectiva. Romance contundente. Saramago a ver mais longe. Personagens sem nome. Um mundo com as contradições da espécie humana. Não se situa em nenhum tempo específico. É um tempo que pode ser ontem, hoje ou amanhã. As ideias a virem ao de cima, sempre na escrita de Saramago. A alegoria. O poder da palavra a abrir os olhos, face ao risco de uma situação terminal generalizada. A arte da escrita ao serviço da preocupação cívica.» (Diário de Notícias, 9 de Outubro de 1998)

Dos melhores livros que já li. Cativa desde o início e não dá vontade de parar, nem quando já não podemos com os olhos abertos!! E é claro que a linguagem honesta do Saramago também ajuda. =P

Agora, só falta ver o filme...

Vamos sentir a tua falta...

Em memória do Sr. Acácio
09.12.1938 - 09.11.2008
Descansa em paz