Happy birthday Michael.

I will always love you.

Quero mais!

O meu sono anda todo trocado, o que me faz ficar acordada a noite toda e a dormir a manhã toda e pela tarde dentro. Ontem, para tentar chamar o sono, decidi acabar de ler o livro que comecei a ler a sério ontem. Não pensem que sou o Super-Homem (neste caso, Super-Mulher) em matérias de velocidade de leitura! O livro era fininho. Aliás, a maioria dos meus livros favoritos são fininhos. São os policiais da Agatha Christie. Já li uns pouco interessantes, mas o de ontem era excelente!! "Porque não pediram a Evans", era o título. Senti-me mesmo envolvida na história e parecia estar a viver a aventura com as personagens, de tão absorvente que era. E o enredo...o enredo é fenomenal! Então no fim dá uma reviravolta que nunca imaginei.

Estou com uma vontade de ir a correr comprar mais...

Uma vez arrumado o livro, não resisti a fazer uma pesquisa no Google. Há uma pagina web, um blogue, um fórum, clube de leitura... Imensas coisas que nunca me lembrei de procurar! Confesso que agora me considero mesmo fã. Aquela mulher é a minha heroína!

P.S: Tentem não ler o título do livro em brasileiro. Revela logo uma parte importante da história...

Obrigadinha...

Esta foi a reacção da minha mãe quando lhe perguntei se queria ler o meu blogue:

"Ai estiveste a escrever no blogue? Estiveste a tarde toda em casa a escrever no beelóogue? Mas o que é um beeeeeeeelógue? Be-be-be-be-be-belóoooogue... Limpar o pó, fodias-te. Mudar a água ao peixe, vai no Batalha. Mas estiveste a escrever no belóooooooooooogue..."

Obrigada, mãe, por mostrares interesse no meu Belóoooooooooogue... --'

Gordura é formosura

Está neste momento a dar, na Sic Mulher, um episódio da Oprah. E qual não é o meu espanto quando olho para a televisão e leio "Na Mauritânia, as mulheres mais gordas casam mais facilmente". Whaaaaaaaat?? É verdade.

Quanto mais gorda, melhor. As mulheres mais gordas são mais sensuais e têm mais para ver e apalpar, segundo os homens deste país (estive para arriscar mauritânios, mas não arrisquei...lol). Os tornozelos, os punhos e o traseiro são as partes mais cobiçadas, pois se forem avantajadas demonstram que o resto do corpo deve sê-lo também. Só consigo imaginar o tipo de piropos dos trolhas para aqueles lados... "És como um helicóptero, gira e boa!", semelhantes no tamanho, também; "És como uma sereia, metade mulher, metade baleia!"... Enfim, um non-stop de barbaridades. E os mauritânios (já confirmei no Google =P) que se ponham finos, porque com eles funciona ao contrário. Magrinhos e secos é como se querem!

Para além do peso, o número de divórcios parece que também é um atractivo. Quanto mais divórcios, melhor, pois significa que muitos homens querem aquela mulher. Por acaso não fui pesquisar dados sobre o assunto, mas deduzo que a taxa de divórcios seja bastante elevada na Mauritânia! Como se não bastasse, o chefe de família é a mulher. Todas as decisões estão a seu cargo e quem manda é ela!! Muito bem. Penso que aqui em casa se passa o mesmo, o meu pai é que não percebe...lol!

Claro que nem tudo pode ser bom e, como em qualquer lado, há um lado negativo. As mulheres magras são obrigadas a comer até não poderem mais, chegando mesmo a vomitar. Às meninas é-lhes dado leite de camelo calórico e tudo o mais que possa engordar. Existe até um mercado negro de produtos e medicamentos que aumentam o apetite e que provocam o aumento de peso. Muitos são para animais de grande porte. Em adição, na sociedade não têm poder nenhum. Não podem frequentar a escola nem envolverem-se na política.

Acredito que para muitas mulheres a Mauritânia é um paraíso. Comer tudo o que puder sabendo que se engordar vou arranjar um homem com mais facilidade e que vou ser mais feliz? Não que precise, mas é só para dar a ideia. É que na realidade, as mulheres gordas são mais felizes! Andam consoladinhas e ainda por cima são bajuladas...

Está confirmado! Na Mauritânia, gordura é formosura!

Meninas, deixo-vos aqui o mapa. ;D
(para as mais distraídas: é em África!!)

Camarões

Achei isto mesmo engraçado... Nunca tinha visto camarões a nadar!



LOL!

Não posso ver lojas...

...gasto sempre dinheiro! E desta vez foram as sabrinas amarelas que falei num post anterior. São ainda mais liiiiiiiiiiiiindas ao vivo!! ^^ O problema é que é sempre um risco comprar calçado. Pode ser muito bonito e depois...pumba! Aleija por todos os lados. Não é que estes me aleijem muito mas podiam ser um bocado mais soft. Ai mas são tão lindos. =P
Noite de estreia: aniversário da Bal. Fomos jantar ao chinês, que por acaso foi muito bom, e estava bastante confortável. Começou a doer quando fomos para Matosinhos e andamos um cadinho... Agora estão arrumadinhos no quarto à espera de nova ocasião especial. Tão cedo não me parece que os use...

Novidades, finalmente!

A semana passada fui candidatar-me à faculdade. Para meu espanto e do Joninhas só estava lá meia dúzia de gatos pingados. Foi só comprar o boletim de inscrição, preencher as bolinhas e entregar a papelada. Surpreendentemente, enquanto pintava as bolinhas, a minha mão tremia não sei bem porquê. Já não é a primeira vez que o faço, por isso não estava à espera. O coitado do Joninhas é que teve de aturar uns "não abanes a mesa!" ou "não me abanes a mim!"!! Lol! Acho que ele estava mesmo contente por não ter de passar horas numa fila enorme, visto ter ficado traumatizado da última vez. =P
Ora bem e que curso escolhi eu? Não, não tem nada a ver com o último onde estive. Nem tem a ver com o que estudei no secundário. Vou seguir o que gosto. Letras. Mais precisamente, Línguas Aplicadas, ramo de Tradução. Deixei-me de cenas da empregabilidade e mais não sei que. Não estou para passar por mais dias a fazer o que não gosto. A estudar o que não gosto.
E é assim! Vamos indo vamos vendo... =)